Projeto audiovisual de Baco Exu do Blues estreia com performance impactante de Vírus

17/11/2020
É impossível não ficar impactado com as ideias e a interpretação que o cantor e compositor baiano Vírus traz em "Mercado Modelo". A faixa é o primeiro lançamento de Bandele - projeto audiovisual criado por Baco Exu do Blues com seis lançamentos de artistas pretos no mês da Consciência Negra. "Mercado Modelo" chegou a nos aplicativos de música ontem (16) com o selo 999 em parceria com a Altafonte. 

" As igrejas mentem, as escolas mentem não acredite em ninguém... Orgias de padres no Vaticano com seus pênis banhados a ouro. Comércio de pornografia aumentando sistema capitalista escroto", vocifera o artista em versos que demonstram seu descontentamento. 

Produzido pelo próprio Vírus, a música é o segundo lançamento solo do artista que surge como uma das principais promessas da nova cena soteripolitana. Nascido no Subúrbio Ferroviário há 20 anos, Vírus se tornou artista desde os 10 anos, quando decidiu entrar no grupo de teatro “Herdeiros de Angola”. Lá se apaixonou pelos palcos e seguiu seu caminho nas artes. Ele é um artista que vem quebrando padrões estéticos e comportamentais, se experimentando musicalmente em projetos autorais. 

Despertando a curiosidade do público em seus clipes e apresentações carregadas de referências ancestrais, Vírus aborda na sua obra a desigualdade racial, de gênero e social. Ele também trata da espiritualidade e coloca em xeque a masculinidade tóxica. 

Ano passado, o artista passou a fazer parte do selo 999 de Baco Exu do Blues e viajar em turnê do cantor. A cada participação nos shows, os versos, a presença e a estética de Vírus impactavam fortemente o público. O mesmo aconteceu no seu último lançamento, o clipe "Vírus", onde o artista se prova como uma real ameaça aos retrógrados. Simbora ?

Programação:
18/nov - Dactes - Não Abrir Mão De Nada
20/nov - Baco Exu do Blues - Tommie Smith
23/nov - Young Piva - Deus Em Pele de Farsa
25/nov - Muse Maya - Sauce
27/nov - Celo Dut - Ilhada