Exposição homenageia os 100 anos de Estrigas

19/09/2019

Um dos grandes nomes do cenário artístico cearense completaria, em 2019, um século. Para homenagear Nilo de Brito Firmeza, o famoso Estrigas, entra em cartaz, no Museu da UFC, nesta quinta-feira (19), a exposição "100 Estrigas - Gestos e Atitudes". A data é exatamente o dia de nascimento dele. No local, os visitantes irão conferir obras e um documentário sobre a trajetória de vida deste ícone da cultura de Fortaleza. Haverá ainda o lançamento do livro A Grande Arte de Estrigas - Memória Crítica, do professor Gilmar de Carvalho, que assina a curadoria da mostra.

O evento faz parte de uma programação que abrange também debates e a entrega, na abertura da exposição, do Diploma Estrigas para as seguintes personalidades: a escritora Angela Gutiérrez; o colecionador Schubert Machado; a pesquisadora Olga Paiva; o artista Bené Fonteles; o pesquisador Gilmar de Carvalho; o filósofo e professor Auto Filho.

Gratuita, a mostra permanece aberta até o dia 18 de outubro, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h. É uma oportunidade de conhecer mais sobre Estrigas. Ele fundou junto com a esposa, a também artista Nice Firmeza, o Minimuseu Firmeza, que reúne obras de arte e um importante acervo documental dos movimentos artísticos no Ceará. O espaço funciona no sítio da família, no bairro Mondubim. Estrigas presidiu a Sociedade Cearense de Artes Plásticas e criou a Escola de Belas Artes do Ceará. Ele foi escritor e crítico de arte. Atuou como coordenador de um programa pioneiro na inserção da arte-educação nas escolas do Brasil. Por toda essa importância histórica, vale a pena conferir a exposição. Simbora ?

Serviço:
Exposição 100 Estrigas - Gestos e Atitudes
Quando:
de 19/09 a 18/10
Onde: Museu de Arte da Universidade Federal do Ceará - Av. da Universidade, 2854, Benfica
Acesso gratuito