Que tal praticar Stand Up Paddle em Fortaleza?

10/02/2019


A sensação é de liberdade. O desafio é manter o equilíbrio entre uma remada e outra em cima da prancha. Praticar Stand Up Paddle pode parecer complicado inicialmente, mas com dedicação e o auxílio profissional necessários tudo fica bem mais fácil.

Em Fortaleza, o principal local para experimentar a modalidade é a Enseada do Mucuripe, na exuberante Beira Mar. Escolas especializadas oferecem equipamentos e instrutores permanentes para as primeiras orientações. O melhor é que não há pré-requisitos. Segundo a Associação de Stand Up Paddle do Ceará (ASUPCE), o esporte atrai crianças desde os cinco anos até pessoas prestes a completar oito décadas de vida. Recomenda-se apenas que o praticante esteja em dia com o check-up médico periódico.

A atividade recreativa combate estresse, queima calorias, fortalece os músculos e ajuda, inclusive, a prevenir doenças cardíacas, pois trabalha respiração, circulação, equilíbrio físico e mental. A ressalva fica somente para aquelas pessoas com problemas crônicos descompensados, como diabetes e hipertensão. Quem tem labirintite, talvez, também sinta alguma dificuldade, porém isso não é regra.

Na capital cearense, além da Enseada do Mucuripe, é possível fazer Stand Up Paddle no Rio Cocó, por meio da escola existente na Barraca Portal Eco Mangue, que fica na Sabiaguaba; no Rio Ceará, junto ao Albertus Restaurante; e na Lagoa do Colosso, no bairro Edson Queiroz. O preço das aulas varia de R$ 30,00 a R$ 80,00 a depender do lugar, da qualificação do instrutor e dos objetivos do esportista.

Gostou da ideia de unir natureza ao seu bem-estar físico e mental? Então, Simbora ?

Serviço:
Associação de Stand Up Paddle do Ceará
Instagram: @asupce